Serviços

Exame de Anemia Infecciosa Equina - ELISA - Acreditado pela Cgcre para Ensaios ABNT NBR ISO/IEC 17025 sob o número CRL 0918. Credenciado pelo MAPA.

TÉCNICA DE ELISA

 

Os métodos imunológicos desenvolvidos para quantificar a concentração de antígenos e anticorpos, por apresentarem grande sensibilidade e especificidade, tornaram-se técnicas padronizadas para pesquisa e aplicações clínicas. Dentre esses métodos, um dos mais usados é o ELISA, do inglês Enzyme-Linked Immunosorbent Assay (Ensaio de Imunoabsorção Ligado a Enzima).

O ELISA se baseia na identificação de anticorpos e ou antígenos, por anticorpos marcados com uma enzima, de maneira que esta enzima age sobre um substrato e a reação faz com que o cromógeno (microorganismo que produz coloração no meio onde se encontra) mude de cor. Foi inicialmente desenvolvido por Engvall & Perlman e por van Weeman & Schuurse, posteriormente, muito utilizado como teste diagnóstico em varias doenças.

O kit ELISA AIE é composto por placa de microtitulação impregnada com anticorpos monoclonais específicos para p26, o maior grupo antigênico específico para o Vírus da Anemia Infecciosa Eqüina (VAIE). O antígeno p26 é conjugado com uma enzima peroxidase de raiz forte (HRPO) e simultaneamente o soro eqüino é incubado com antígeno conjugado p26. Anticorpos séricos específicos para p26 competem com os anticorpos monoclonais anti-p26 da placa pelo antígeno ligado à enzima purificada p26 antigênica. Após a lavagem da placa para retirada da solução de conjugado, um substrato é adicionado em cada cavidade da placa de titulação. Quando anticorpos contra o antígeno p26 do VAIE estão presentes na amostra de teste, estes evitam que o antígeno p26 conjugado à enzima HRPO se liguem aos anticorpos monoclonais da placa. Pouca ou nenhuma cor indica resultado positivo, ou seja, presença de anticorpos contra o antígeno p26. Se o cavalo é negativo para AIE, o antígeno ligado à enzima poderá se ligar ao anticorpo monoclonal impregnado nas cavidades da placa resultando em uma coloração azul escura. O desenvolvimento de cor é inversamente proporcional à quantidade de anticorpos contra o VAIE. A interpretação final do teste se dá pela comparação entre a coloração da amostra de teste e a coloração do controle positivo.

 

 

  • EXAME DE AIE/ELISA - valores sob consulta!

 

  • INCUBAÇÃO MÍNIMA DE 2 HORAS.

 

  • NECESSÁRIA REQUISIÇÃO ESPECÍFICA, DISPONÍVEL NO SITE OU POR E-MAIL.

 

  • AMOSTRAS ACONDICIONADAS EM GELO .

 

  • EXAME EXIGIDO PARA TRÂNSITO E AGLOMERAÇÃO.

 

Serviços

Compre Aqui!

(67) 3241-8340 (67)99888-5882

saudeanimallab@hotmail.com

Desenvolvido por: Ideiasweb